2 de mar de 2010

Ridículo!!!

Só no Brasil, mesmo!
Achei um absurdo o fato de pessoas fazerem reclamações ao CONAR, achando que a nova propaganda da Devassa com a Paris Hilton era "sensual demais". E o pior é que a Schincariol decidiu tirar do ar a propaganda.
Francamente... Num país que cultua a bunda, onde mulheres são expostas todos os dias. Onde as novelas desvirtuam valores e mostram as mais vulgares cenas. Onde as piriguethys dançam semi nuas em programas de auditório aos domingos. Onde no caranaval as reportagens exaltam o tamanho (ou a falta) dos biquinis e tapa sexo das mulheres que desfilam.
Muitas reclamações diziam que a propaganda vulgarizava a mulher. Eu sou mulher, eu sou loira e não me senti ridicularizada, nem vulgarizada. Não achei nada demais na propaganda, inclusive. Estou procurando até agora o horror. Veja aí e me diga!





Eu não sei se a revolta da população brasileira é pelo fato de terem colocado uma gringa pra sensualizar na propaganda. Acho que se fosse a Valeska Poposuda ninguém reclamava, já que aí era produto nacional. Com essa bunda já estamos acostumados.

Aninha

4 comentários:

Edila disse...

E Paris nem tirou o vestido!!! Inveja mata!!! Porque não colocaram a Priscila? A maioria foi homem ou mulher que reclamaram? Deve ser o baton rosa que não combina com as brasileiras!!!

mirelle disse...

Não tem nada de mais no comercial!!! Deixa a bisca linda e loura trabalhar! Não me ofendi em nada tbm. Podia ser com a maravilhosa Valesca freak show Popozuda tbm que eu iria continuar achando nada de mais. Vulgar e sem noção é o 50 cent!

Simo disse...

PUTA COEMRCIAL!!!! Ai.. talvez nao deva dizer "puta" posso estar ofendendo!!!!

Poxa... muito bom mesmo... pena que esquenta toda a cerveja antes de tomar... kkkkk

Meus pensamentos......Minhas ideias.... disse...

O problema do comercial é que foi feito pela Schin... porque se fosse feito pela BOA voce poderia se fantasiar com a tampinha da latinha e nada disso teria acontecido. Ou poderia ter andado de cavalo e fumado Hollywood e morrido de cancer, mas esta já uma outra estoria.